Compradores de veículos poderão sair das lojas com o documento de propriedade emitido

Foi lançado em Mato Grosso o Renave, sistema que permite a transferência eletrônica da propriedade direto no estabelecimento


Muito esperado pelo setor de vendas de veículos, foi lançado o Registro Nacional de Veículos em Estoque (Renave) em Mato Grosso. O sistema permite a transferência eletrônica da propriedade do veículo por concessionárias e revendedoras e já está disponível para o Departamento Estadual de Trânsito em Mato Grosso (Detran-MT). A transferência eletrônica da propriedade poderá ser realizada direto no estabelecimento, evitando a ida ao cartório e ganhando mais facilidade no processo de compra e venda. Mato Grosso saiu na frente ao se tornar o quinto estado a contar com o Renave.


De acordo com o presidente do Detran-MT, a autarquia está evoluindo em tecnologia com a premissa de desburocratizar os processos relacionados a veículos. “O objetivo é facilitar a vida do usuário, proporcionando segurança e economia nas transações. Aquele que compra ou vende seu veículo terá a segurança de uma transferência ágil e rápida, evitando problemas futuros, como uma multa de trânsito indevida”, destacou o presidente.

Segundo Augusto Cordeiro, diretor de Veículos do Detran-MT, esse novo sistema é de extrema importância, pois garante a comunicação, registro, controle e acompanhamento das transações comerciais, de modo a possibilitar a escrituração eletrônica dos bens.

Diretor geral da Fenabrave-MT e presidente do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do Estado de Mato Grosso (Sincodiv-MT), Paulo Boscolo, elogiou a iniciativa do Detran-MT na implementação do sistema. Lembrou que desde 2015 a Fenabrave-MT e outras entidades almejam a modernização dos processos de emissão de documentos. “Foi um projeto construído levando em conta as pontuações do setor de compra e vendas de veículos, novos e usados e só podemos enaltecer esta conquista. Estamos entre os primeiros estados a integrar o sistema e isso precisa ser celebrado”, pronunciou Paulo Boscolo.

No lançamento do projeto, realizado no auditório do Detran-MT na tarde deste dia 25, também esteve presente o presidente e o vice-presidente da Associação dos Revendedores de Veículos de Mato Grosso (Agenciauto-MT) Ricardo Julio Jathay Laub Junior e Kleiber Pereira, respectivamente. “Atualmente são realizadas mais de 30 mil transferências todo mês pelos lojistas. O ganho para nossa categoria será enorme”, disse Ricardo.

Em Mato Grosso, o sistema foi construído em uma parceria do Detran-MT e a Empresa Mato-Grossense de Tecnologia da Informação (MTI-MT) com apoio do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Serpro.


Como funciona

Com a adesão do Detran estadual ao Renave, a concessionária ou revendedora deve realizar o cadastro no Sistema Credencia, que autoriza as empresas para utilização dos serviços eletrônicos do Denatran. O acesso à plataforma exige certificado digital. Depois do cadastramento, a empresa terá seus sistemas integrados, via API desenvolvida pelo Serpro, às bases do Detran e da Receita Federal.

Quando for efetuada uma venda, por exemplo, basta realizar o registro online que a API valida a nota fiscal eletrônica (NF-e) na base da RFB e comunica automaticamente a transferência da propriedade aos órgãos competentes. Adesão pelos estabelecimentos é voluntária.